Pessoas Felizes, Sonhos Realizados.

Melhor Clinica de Tratamento para Tratar o Transtorno Obsessivo Compulsivo

O TRANSTORNO OBSESSIVO COMPULSIVO tem tratamento, saiba mais, leia abaixo

TRATAMENTO PARA TRANSTORNO OBSESSIVO COMPULSIVO

Às vezes, é difícil diagnosticar o transtorno obsessivo compulsivo porque os sintomas podem ser semelhantes aos do transtorno de personalidade obsessivo-compulsivo, transtornos de ansiedade, depressão, esquizofrenia ou outros transtornos mentais. 

E é possível ter transtorno obsessivo compulsivo e outro transtorno mental. Conversando com o médico do tratamento saúde mental você irá obter o diagnóstico e o tratamento adequados às suas necessidades.

DIAGNÓSTICO

Os passos para ajudar a diagnosticar o transtorno obsessivo compulsivo podem incluir:

  1. Exame físico. Isso pode ser feito para ajudar a descartar outros problemas que possam estar causando seus sintomas e para verificar se há alguma complicação relacionada.
  2. Testes de laboratório. Estes podem incluir, por exemplo, um hemograma completo, uma verificação de sua função tireoidiana e triagem de álcool e drogas.
  3. Avaliação psicológica. Isso inclui discutir seus pensamentos, sentimentos, sintomas e padrões de comportamento. Com sua permissão, isso pode incluir conversar com sua família ou amigos.
  4. Critérios diagnósticos para transtorno obsessivo compulsivo, de acordo com o Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais.

Em todos esses casos o tratamento saúde mental pode ajudar você!

TRATAMENTO

O tratamento do transtorno obsessivo compulsivo pode ajudar a controlar os sintomas para que eles não dominem sua vida diária. Algumas pessoas precisam de tratamento para o resto de suas vidas.

Os dois principais tratamentos para o transtorno obsessivo compulsivo são psicoterapia e medicamentos. Muitas vezes, o tratamento é mais eficaz com uma combinação destes.

Para melhor orientação sobre o transtorno obsessivo compulsivo fale com os especialistas do tratamento saúde mental e deixe-nos ajudar você!

PSICOTERAPIA

A terapia cognitivo-comportamental (TCC), um tipo de psicoterapia, é eficaz para muitas pessoas com transtorno obsessivo compulsivo. A prevenção de exposição e resposta, um tipo de terapia, envolve a exposição gradual a um objeto ou obsessão temida, como a sujeira, e a aprendizagem de maneiras saudáveis ​​de lidar com a ansiedade. 

O ERP exige esforço e prática, mas você pode desfrutar de uma melhor qualidade de vida quando aprender a administrar suas obsessões e compulsões.

A terapia pode ocorrer em sessões individuais, familiares ou em grupo.

MEDICAMENTOS PARA TRANSTORNO OBSESSIVO COMPULSIVO

Certos medicamentos psiquiátricos podem ajudar a controlar as obsessões e compulsões do transtorno obsessivo compulsivo. Os que são mais comumente utilizados são os antidepressivos, normalmente os primeiros a serem prescritos. Os médicos do tratamento saúde mental estão prontos para ajudá-lo nesse processo, a fim de que sua experiência seja a melhor e mais produtiva possível.

MEDICAMENTOS: O QUE CONSIDERAR

Aqui estão algumas questões para discutir com seu médico sobre medicamentos para o transtorno obsessivo compulsivo:

- Escolhendo um medicamento. 

Em geral, o objetivo é controlar efetivamente os sintomas com a menor dosagem possível. Não é incomum tentar várias drogas antes de encontrar uma que funcione bem. O médico do tratamento saúde mental pode recomendar mais de um medicamento para gerenciar seus sintomas com eficácia. Pode levar de semanas a meses após o início de um medicamento para notar uma melhora nos sintomas.

- Efeitos colaterais. 

Todos os medicamentos psiquiátricos têm efeitos colaterais potenciais. Converse com seu médico sobre possíveis efeitos colaterais e sobre qualquer monitoração de saúde necessária enquanto estiver tomando drogas psiquiátricas. E informe seu médico se você tiver efeitos colaterais preocupantes.

- Risco de suicídio. 

A maioria dos antidepressivos é geralmente segura, mas o Ministério da Saúde exige que todos os antidepressivos tragam avisos de tarja preta, os mais rigorosos avisos para prescrições. Em alguns casos, crianças, adolescentes e jovens adultos com menos de 25 anos podem ter um aumento de pensamentos ou comportamentos suicidas ao tomar antidepressivos, especialmente nas primeiras semanas após o início ou quando a dose é alterada. Se ocorrerem pensamentos suicidas, contate imediatamente a equipe do tratamento saúde mental. Tenha em mente que os antidepressivos são mais propensos a reduzir o risco de suicídio a longo prazo, melhorando o humor.

- Interações com outras substâncias. 

Ao tomar um antidepressivo, informe o seu médico sobre qualquer outra prescrição ou medicamentos de venda livre, ervas ou outros suplementos que você esteja consumindo. Alguns antidepressivos podem causar reações perigosas quando combinados com certos medicamentos ou suplementos de ervas.

- Parando antidepressivos. 

Os antidepressivos não são considerados viciantes, mas às vezes a dependência física (que é diferente do vício) pode ocorrer. Portanto, interromper o tratamento de forma abrupta ou perder várias doses pode causar sintomas semelhantes aos de abstinência, às vezes chamados de síndrome de descontinuação. Não pare de tomar sua medicação sem falar com seu médico, mesmo que esteja se sentindo melhor - você pode ter uma recaída dos sintomas do transtorno obsessivo compulsivo.

Nós iremos ajudar você!

Seu Plano de Saúde no Grupo Estância

Atendimento 24 horas

1ª Opção

Vou Entrar no WhatsApp e Saber Mais!

2ª Opção

Quero Ligar no Fixo e Entender Melhor!

3ª Opção

Prefiro que me Liguem

GRUPO ESTÂNCIACentral Nacional

Atendimento24 horas

Região Sudeste

(15) 4003-1595

Estamos localizados, a 67 km da Capital Paulista, com saída na Rodovia Raposo Tavares, contando com os Aeroportos de Viracopos (Campinas), Congonhas (São Paulo) e Aeroporto Internacional (Guarulhos).

Avenida Nakayama, 150. Curral – Ibiúna -SP | CEP: 18150-000 | Caixa Postal 48 | Brasil

Região Sul

(47) 4003-1595

Estamos localizados, a 3 km do parque Beto Carrero World, com saída na Rodovia Beto Carrero World, contando com os Aeroportos de Navegantes (Ministro Victor Konder) e Aeroporto Internacional de Florianópolis (Hercílio Luz).

Rua José Maria Celista, 180. Gravataí – Penha-SC | CEP: 88385-000 | Brasil

Região Centro-Oeste

(61) 4003-1595

Estamos localizados, a 42 km do centro da Capital do Brasil, pela BR-010/BR-020, contando com o Aeroporto Internacional de Brasília (Presidente Juscelino Kubitscheck).

Chácara Sol Nascente, 03. Fazenda Lagoa Bonita, Planaltina – Brasília-DF | CEP: 73307-993 | Brasil

credibilidade saude mental 1
Empresa 100% Documentada
Credibilidade Saúde Mental

Atendimento 24Hs 4003-1595